Facebook
Busca
Notícias
Incêndio atinge prédio comercial na Zona Oeste de SP

Veja mais...

Primeiros Resultados da Nova Lei do PMOC

Veja mais...

Guia para Inspeção
Área Restrita
E-mail:   Senha:  

Empresa mineira de TI recicla 95% do lixo e aproveita até água do ar condicionado


Data: 23-08-2011

Sistema de gestão ambiental da Landix é referência no setor.

Uberlândia (MG) - A sustentabilidade, sem dúvida, está no centro do debate mundial. Hoje se verifica uma preocupação mais intensa em relação às questões ambientais tanto pelos produtores como pelos consumidores. O assunto vem ganhando atenção crescente de algumas empresas. É o caso da Landix, empresa da área de Tecnologia da Informação, com sede em Uberlândia/MG.

A empresa que há 11 anos atua com foco exclusivo em mobilidade defende o consumo consciente, no qual o desperdício e a poluição são substituídos pela cooperação, num conjunto de atitudes voltadas para o desenvolvimento sustentável. “Estas atitudes devem levar em conta o crescimento econômico ajustado à proteção do meio ambiente na atualidade e para as gerações futuras, garantindo assim a sustentabilidade de fato”, o diretor da Landix, Miguel da Rocha Correia.

Na prática, a Landix desenvolve diversas ações para minimizar os impactos ambientais. Mesmo oferecendo um serviço considerado limpo, os funcionários são estimulados a pequenos gestos que geram uma grande mudança.

Sustentabilidade na prática- Foi implantado um sistema de gestão ambiental e entre várias ações a empresa promove a separação do lixo. “Além disso, 95% do nosso lixo são reciclados e entregues à Associação de Recicladores e Catadores Autônomo (Arca)”, explica o diretor.

“Desde o início nossos colaboradores buscaram entender as regras de separação do lixo. Leram os materiais informativos que confeccionamos, e desde então separam os materiais conforme o tipo”, comemora o gerente de produção, Carlos Alberto Marques Júnior.

Também foram instalados coletores para a água que decanta nos equipamentos de ar condicionado espalhados pela empresa. “Essa água coletada é utilizada na limpeza do prédio”, comenta Correia.

Livro em troca de pilha- Os colaboradores ainda são incentivados a recolher pilhas usadas. “Fazemos bimestralmente o sorteio de um vale-livro para aquele que traz mais pilhas. Classificamos as pilhas e as pontuamos de acordo com o tamanho. Quem soma mais pontos ganha o presente. O resultado tem sido muito positivo, quase todo mundo contribui. No final de seis meses recolhemos aproximadamente 50 kg de pilhas e baterias”, conta o gerente.

Além reciclagem de resíduos sólidos e da coleta de pilhas, a empresa ainda dá preferência para a compra de matéria-prima ou prestação de serviços de empresas que também sigam os princípios da responsabilidade ambiental, como confirma Anna Paula Graboski, gerente de marketing: “Enviar ou receber relatórios impressos é algo completamente banido daqui”.

Para Cristiano Alves Dias, analista de recursos humanas da empresa, as boas práticas já viraram um hábito. “Com o passar do tempo todos se mostraram interessados no processo e vêm colaborando para que possamos reciclar o máximo do material descartado no dia a dia. Percebo que a sustentabilidade já virou cultura do nosso ambiente de trabalho e que a grande maioria abraçou a causa e apoia a iniciativa da Landix”, diz.

Tanto é verdade que muitas das iniciativas partiram dos próprios colaboradores. “Isso ocorre exatamente porque existe na cultura e nos valores da empresa a preocupação e o incentivo para iniciativas de contribuições socioambientais. Sempre que se discute a possibilidade de uma nova ação neste sentido e conclui-se que está ação trará benefícios, a diretoria incentiva e se engaja na causa. Inclusive aceitando e absorvendo custos extras, eventualmente decorrentes desta iniciativa”, garante Dias que ainda completa: “Como colaborador, e creio que para os demais funcionários, é gratificante trabalhar em uma empresa que tem a consciência de que também é responsável pelo avanço socioambiental da comunidade que está inserida e se preocupa e age para contribuir com este tema”.

"Temos a consciência de que devemos nos responsabilizar pelo modo como afetamos o ambiente, sendo as questões ambientais um fator essencial na nossa política de gestão", finaliza o diretor Miguel da Rocha Correia.

Algumas das ações desenvolvidas pela Landix: .Implantação de um sistema de gestão ambiental na empresa |.Reutilização da água dos equipamentos de ar condicionado na limpeza |.Sistema de reciclagem de resíduos sólidos dentro da empresa|. Informação aos funcionários sobre a importância da sustentabilidade |. Preferência para a compra de matéria-prima ou prestação de serviços de empresas que também sigam os princípios da responsabilidade ambiental |.Preferência, sempre que possível, para o uso de fontes de energia limpas e renováveis no processo produtivo |.Recolhimentos de pilhas e baterias.

Fonte: Fator Brasil


Para maiores informações Clique aqui

Os conteúdos das matérias não refletem necessariamente a opinião do Qualindoor.




Voltar
ABRAVA - Associação Brasileira de Refrigeração, Ar Condicionado, Ventilação e Aquecimento
Qualindoor - Departamento Nacional da Qualidade do Ar Interno

    Av. Rio Branco, 1492, São Paulo, SP, CEP 01206-001, Fone (11) 3361 7266