Facebook
Busca
Notícias
Incêndio atinge prédio comercial na Zona Oeste de SP

Veja mais...

Primeiros Resultados da Nova Lei do PMOC

Veja mais...

Guia para Inspeção
Área Restrita
E-mail:   Senha:  

Ar-condicionado pode ser vilão da sua saúde


Data: 09-06-2012

Com o tempo quente, abafado e com a baixa umidade do ar, os aparelhos de ar-condicionado, ventiladores e umidificadores de ar podem se tornar fonte de contaminação


É comum nessa época do ano o uso constante de aparelhos de ar-condicionado, ventiladores ou umidificadores de ar para deixar o ambiente mais agradável. Porém alguns cuidados devem ser seguidos para que tal prática não se torne prejudicial à saúde.

O uso diário de tais equipamentos pode gerar fonte de contaminação por bactérias e fungos se não sofrerem regularmente manutenção preventiva, uma vez que tais micro-organismos ficam aderidos nos equipamentos juntamente com partículas de poeira ou água que podem ficar depositadas nos dutos do aparelho de ar-condicionado, nas hélices do ventilador e no reservatório de água do umidificador.

Estes micro-organismos se desprendem desses locais todas as vezes que o equipamento for utilizado e disseminam-se pela corrente de ar podendo chegar às vias aéreas das pessoas através da inalação, desencadeando processos alérgicos, infecções respiratórias e, em casos mais graves, a pneumonia.

Então o que fazer para não sofrer nos dias quentes? A prática mais correta é a higienização constante desses equipamentos. Em relação ao aparelho de ar-condicionado é fundamental a limpeza e a troca do filtro, para garantir a boa qualidade do ar, sempre obedecendo às normas técnicas do fabricante, uma vez que partículas de poeira e outras sujidades ficam aderidas nos filtros.

Em caso de negligência na limpeza e manutenção desses equipamentos essas partículas podem se desprender e poderão ser lançadas ao ar no momento do uso.

É fundamental também que seja eliminado todo o excesso de umidade que possa ficar no aparelho de ar-condicionado, uma vez que isso servirá de ninho para proliferação de bactérias e fungos.

Dentre as bactérias, o gênero Legionella spp. é considerado muito perigoso uma vez que pode alojar-se nos pulmões ocasionando pneumonia grave.

No ventilador é essencial que se faça a limpeza das hélices e das hastes uma vez que o uso diário contribui para o acúmulo de sujeiras e, durante o uso essa sujidade se solta e passa a circular no ar podendo ser inalada pelos ocupantes do ambiente. A limpeza pode ser feita com pano úmido e com álcool a 70%.

Em relação ao umidificador de ar é importante a troca diária da água uma vez que bactérias e fungos podem se alojar rapidamente nesse ambiente e, a limpeza de todas as partes do equipamento se faz necessária, recordando que é fundamental obedecer às normas técnicas do fabricante.

Para que o ambiente climatizado seja seguro é fundamental a prática da boa higienização, fique atento, não deixe o perigo circular ao seu redor.

Portal RAC


Para maiores informações Clique aqui

Os conteúdos das matérias não refletem necessariamente a opinião do Qualindoor.




Voltar
ABRAVA - Associação Brasileira de Refrigeração, Ar Condicionado, Ventilação e Aquecimento
Qualindoor - Departamento Nacional da Qualidade do Ar Interno

    Av. Rio Branco, 1492, São Paulo, SP, CEP 01206-001, Fone (11) 3361 7266