Facebook
Busca
Notícias
Incêndio atinge prédio comercial na Zona Oeste de SP

Veja mais...

Primeiros Resultados da Nova Lei do PMOC

Veja mais...

Guia para Inspeção
Área Restrita
E-mail:   Senha:  

Brasil aumenta IPI para moto, micro-ondas, ar-condicionado, cerveja, água e refrigerante


Data: 01-06-2012

Governo aumenta IPI para moto, micro-ondas e ar-condicionado.
Segundo governo, medida é para proteger a indústria nacional. Impostos de bebidas frias, como cerveja, água e refrigerante, também vão aumentar.

O governo adota medidas para proteger fabricantes nacionais de motocicleta, aparelhos de ar- condicionado e micro-ondas e também aumentou impostos de bebidas frias, como refrigerantes e cervejas, que devem ficar mais caros para o consumidor.

"Eram produtos que estão tendo concorrência muito grande e estavam com alíquotas que não retratavam, não possibilitavam defesa da indústria nacional", fala o subsecretário de tributação da Receita, Sandro de Vargas Serpa.

O Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) dos aparelhos de micro-ondas vai subir de 30% para 35%. O do ar-condicionado vai passar de 20% para 35% e o IPI das motos vai aumentar de 15% para 25% ou 35%, dependendo das cilindradas.

Os produtos fabricados na Zona Franca de Manaus continuam livres de IPI. O aumento do IPI atinge apenas 10% da produção nacional de motocicletas.

Além dos importados, o governo também decidiu aumentar impostos de bebidas frias, como cerveja, água e refrigerante. Se os fabricantes repassarem os preços, as bebidas devem ficar 2,85% mais caras pro consumidor.

Só com o aumento do imposto sobre bebidas, o governo deve arrecadar mais R$ 2,9 bilhões por ano. É uma tentativa de compensar as perdas com a redução do IPI de carros.

O economista José Matias Pereira lembra que o governo também diminui impostos de outros eletrodomésticos. "Se olharmos o balanço de tudo isso, são medidas necessárias para compensar as isenções de outros setores que estão sendo privilegiados".
Crédito: G1/Geiza Duarte de Brasília, DF


Para maiores informações Clique aqui

Os conteúdos das matérias não refletem necessariamente a opinião do Qualindoor.




Voltar
ABRAVA - Associação Brasileira de Refrigeração, Ar Condicionado, Ventilação e Aquecimento
Qualindoor - Departamento Nacional da Qualidade do Ar Interno

    Av. Rio Branco, 1492, São Paulo, SP, CEP 01206-001, Fone (11) 3361 7266