Facebook
Busca
Notícias
Incêndio atinge prédio comercial na Zona Oeste de SP

Veja mais...

Primeiros Resultados da Nova Lei do PMOC

Veja mais...

Guia para Inspeção
Área Restrita
E-mail:   Senha:  

Infraero tira banco e desliga ar para passageiro não perder voo


Data: 13-01-2014


Cassilândia Jornal


Estratégia estranha – A Infraero decidiu adotar uma estratégia, no mínimo, estranha para ninguém perder o vôo no Aeroporto Internacional de Campo Grande. O departamento desliga o ar-condicionado para ninguém ficar perambulando pelo saguão. Com o calor infernal dos últimos dias, a empresa está, literalmente, castigando quem decide andar de avião.

Bancos – A administração do Aeroporto Internacional de Campo Grande decidiu retirar os bancos do saguão. O objetivo é evitar que os passageiros fiquem descansando no saguão. Agora, só falta a empresa responder onda vai encaminhar o povo em caso de aeroporto fechado ou atraso nos vôos.

Férias – O prefeito de Campo Grande, Alcides Bernal (PP), há um ano no posto, não pensou em tirar férias. Com tanta crise para administrar e sob risco de sair e não voltar mais, já que é alvo de processo de cassação na Câmara Municipal e de duas ações para afastá-lo do cargo na Justiça, o chefe do Executivo decidiu “não dar sopa para mosca”.

Boatos – Os boatos de que o secretário municipal de Saúde, Ivandro Fonseca, deixará o cargo continuaram ontem. Apesar de negar que vá assumir a pasta, Jamal Salem (PR), continua cotado para o cargo. Ele participou de três reuniões na secretaria.

Infiel – O secretário estadual de Obras Edson Giroto não gostou da aproximação entre Jamal e Alcides Bernal. Ele anunciou, ontem, que vai pedir a expulsão do vereador do partido em caso de adesão à administração de Bernal.

Candidato – Após muita especulação, de que poderia disputar uma vaga na Assembleia Legislativa e até o Governo, Giroto se manifestou sobre o futuro político. Ele anunciou que vai disputar a reeleição. Em 2010, ele foi o deputado federal mais votado em Mato Grosso do Sul.

Na Justiça – A nomeação dos aprovados no concurso público da Guarda Municipal não pôs fim à polêmica na categoria. Vários guardas municipais aprovados no concurso recorreram à Justiça para obrigar a prefeitura a empossá-los. Em um dos casos, o aprovado tem antecedente criminal.

Impunidade – As famílias das mulheres vítimas da violência vão se unir para manifestação amanhã, na Praça Ary Coelho, no Centro de Campo Grande. O objetivo é acabar com a vergonhosa impunidade desse tipo de crime no Estado. Mulheres foram mortas a facadas, tiros e até pedradas. Há casos escabrosos, como o de um ex-marido que cortou a mão da mulher a golpes de facão.

Cidades irmãs – O prefeito da Capital, Alcides Bernal, sancionou uma lei que torna Campo Grande cidade-irmã de Ponta Porã, na fronteira com o Paraguai. A medida foi sancionada e publicada na edição de ontem do Diário Oficial do Estado.

Sem prazo – A nova licitação bilionária da coleta do lixo em Campo Grande não tem prazo para ser lançada. Segundo o município, o edital só vai ser lançado após a ação popular, que cancelou o certame de R$ 1,8 bilhão, transitar em julgado.


Fonte: Edivaldo Bitencourt/Campo Grande News

http://www.cassilandiajornal.com.br/?pg=noticia&id=3761


Para maiores informações Clique aqui

Os conteúdos das matérias não refletem necessariamente a opinião do Qualindoor.




Voltar
ABRAVA - Associação Brasileira de Refrigeração, Ar Condicionado, Ventilação e Aquecimento
Qualindoor - Departamento Nacional da Qualidade do Ar Interno

    Av. Rio Branco, 1492, São Paulo, SP, CEP 01206-001, Fone (11) 3361 7266