Facebook
Busca
Notícias
SP tem calor no fim de semana e virada do tempo no feriado

Veja mais...

Sobe para 21 o número de mortes provocadas por onda de calor no Canadá

Veja mais...

Guia para Inspeção
Área Restrita
E-mail:   Senha:  

Vantagem do VRF está na flexibilidade


Data: 01-10-2015

Sistema se destaca por ser uma solução completa e com automação embarcada
postado em: 18/09/2015 12:46 h
atualizado em: 18/09/2015 13:37 h


A eficiência do sistema VRF tem evoluído continuamente desde seu lançamento. É um sistema eficiente pela sua flexibilidade de operação e também ter incorporado um sistema de automação interno que gerencia todas as condições internas dos ambientes e de funcionamento dos equipamentos, de forma eficiente. Existem opções de recuperação de calor, que garantem altíssimos índices de eficiência energética, sendo assim, o VRF é mais flexível que os sistemas de água gelada.

Para a LG, este sistema é tipicamente associado a ótimos desempenhos em carga parcial, podendo mais que duplicar o coeficiente de performance a 100% da carga. Desta forma, nos casos onde há grande variação da carga e o sistema precisa funcionar por longos períodos com pouca capacidade e alguns períodos com grande capacidade, o VRF tende a ser mais eficiente.

Para a Midea, independente dos sistemas, são os critérios de projeto que irão definir qual é a melhor aplicação para a climatização de um edifício. "Os projetistas de AVAC analisam dados como localidade da instalação (clima), carga térmica, áreas disponíveis para instalação, entre outros. É importante frisar que nem sempre a configuração mais eficiente do ponto de vista de dados de COP/IPLV deve ser considerada como a aplicação mais eficiente. Como cada edifício possui uma característica própria (SPLV – System Part Load Value), a análise das condições de operação do equipamento voltada para o projeto em estudo é fundamental. A análise do ciclo de vida da instalação quanto a custos de manutenção e operação, mostram o caminho sobre qual sistema será o mais adequado para a instalação", esclarece Cristiano Brasil, coordenador de aplicação da Midea Carrier.

"Na Trane, acreditamos que cada sistema tem uma aplicação adequada, e através do TRACE 700, software de simulação energética certificado pela ASHRAE 140, simulamos diversos sistemas existentes no mercado contra sistemas VRF em diversas capacidades diferentes, em muitos mercados verticais onde o VRF é mais usado. Em determinadas aplicações (abaixo de 400 toneladas) em alguns mercados verticais, o VRF é uma das soluções mais eficientes, se apresentando inclusive como a melhor opção de custo total na vida útil, em alguns casos. Mas há aplicações acima desta capacidade em que os sistemas de água gelada, em diversas tecnologias diferentes, superam os sistemas VRF em termos de energia", esclarece Matheus Lemes, engenheiro de controle e automação industrial da Trane.

Fonte: Portal EA


Para maiores informações Clique aqui

Os conteúdos das matérias não refletem necessariamente a opinião do Qualindoor.




Voltar
ABRAVA - Associação Brasileira de Refrigeração, Ar Condicionado, Ventilação e Aquecimento
Qualindoor - Departamento Nacional da Qualidade do Ar Interno

    Av. Rio Branco, 1492, São Paulo, SP, CEP 01206-001, Fone (11) 3361 7266