Facebook
Busca
Notícias
QUALINDOOR NA HOSPITALAR FACILITIES 2018

Veja mais...

Um respiro (saudável) em meio à paralisação

Veja mais...

Guia para Inspeção
Área Restrita
E-mail:   Senha:  

COMO MELHORAR A QUALIDADE DO AR DA SUA CASA


Data: 30-05-2018

Você presta atenção no ar que respira? Mesmo dentro de casa, é capaz que ele esteja carregado de compostos químicos e micro-organismos nocivos à saúde. A melhora da qualidade de vida também está associada a deixar os ambientes limpos e perfumados



Respirar é uma das funções mais básicas do organismo e, por ser algo tão simples, acabamos nos esquecendo de dar a devida atenção ao ar que levamos aos nossos pulmões. Segundo a Organização Mundial da Saúde – OMS, mais de 7 milhões de mortes por ano estão associadas à poluição do ar. Os alarmes não param por aí: de acordo com pesquisa da OMS, mais de 80% das cidades em todo o mundo têm níveis de poluição acima dos recomendáveis. Dar preferência ao transporte coletivo e incentivar a criação de áreas verdes nos espaços urbanos são ações que ajudam no controle do ar externo, mas também vale adotar algumas medidas para melhorar a qualidade do ar dentro de casa.

É difícil de acreditar, mas a Agência de Proteção Ambiental dos Estados Unidos –EPA provou que o oxigênio que respiramos em nossos lares pode estar até cinco vezes mais poluído que o externo. Isso porque estamos expostos a diversos compostos químicos tóxicos que podem ser encontrados em produtos do nosso dia a dia e a outros agentes, como mofo, bactérias, vírus, pelos de animais e todo tipo de sujeira que trazemos da rua em nossas roupas e sapatos. “O ar é nosso maior alimento, mas ele carrega elementos prejudiciais aos seres humanos. Tanto é que muitas doenças são transmitidas pela respiração. Por isso, controlar os micro-organismos danosos que absorvemos ao longo do dia é vital para a saúde”, explica a engenheira química Sonia Corazza.


Faxina neles!
O primeiro passo é manter a casa sempre limpa. “Os fungos e bactérias se conectam às partículas de poeira. Eles precisam dela para proliferar. Então, evite o acúmulo de pó em colchas, carpetes, cortinas, tapetes e almofadas. Esses itens precisam ser aspirados com frequência e higienizados pelo menos uma vez por ano”, indica Henrique Cury, diretor da Eco-Quest do Brasil e da Associação Brasileira de Refrigeração, Ar Condicionado, Ventilação e Aquecimento – ABRAVA. Abrir as janelas para promover a circulação do ar e fazer uma manutenção semestral nos filtros dos aparelhos de ar condicionado também são atitudes benéficas para a saúde, assim como cultivar alguns tipos de plantas que ajudam a eliminar poluentes (veja lista abaixo).

Agrade seu olfato
Além de se preocupar com a limpeza, vale investir em perfumes para a casa. “O olfato é o sentido mais desconhecido do ser humano, porque ele é totalmente ligado ao lado emocional. Escolher um aroma para a casa traz bem--estar porque, além de deixarem o ambiente mais agradável, os perfumes têm o poder de despertar memórias afetivas”, explica Sonia, que se especializou em cosmetologia e é autora do livro Aromacologia – uma ciência de muitos cheiros (Ed. Senac).

Quem não se lembra do cheiro da casa da avó? Ou como resistir ao aroma de um bolo recém-saído do forno? “Muitas vezes, as pessoas entram em um ambiente e logo se sentem bem. Elas podem não perceber, mas com certeza aquele local tinha um cheiro agradável. Precisamos prestar mais atenção ao que sentimos”, conta Veronique Massei, responsável pela marca Lampe Berger no Brasil. Criada em1898 para purificar o ar de hospitais, a empresa francesa é conhecida por seu sistema para eliminar odores ruins e aromatizar ambientes através da difusão por catálise. “Há quem exagere na quantidade de perfume, o que não é bom. É preciso encontrar um equilíbrio para não ficar enjoativo”, diz.

Esses cheiros são provenientes dos óleos essenciais produzidos por plantas aromáticas. “Eles são uma arma poderosa que as espécies utilizam para sua própria proteção. E, graças a suas complexas composições químicas, geram diferentes efeitos em nossos organismos”, conta Sonia. “Os cítricos, por exemplo, são indicados para purificar lugares contaminados e para dar ânimo. Para quem busca uma ação calmante, o recomendado é a lavanda, que contém linalol, um poderoso sedativo natural. Já para estimular a memória e ativar registros, opte pelo óleo essencial de gengibre”, completa (veja outras propriedades mais abaixo).

Seja em velas, difusores, aromatizadores de ambiente ou incensos, não há restrição de horário ou contraindicações para usufruir desses cheiros, mas o uso constante, por muitas horas, não é aconselhável, pois pode “sobrecarregar” o olfato. “É importante que haja um intervalo para respirar um pouco de ar puro”, explica Sonia.

Plantas que ajudam a filtrar o ar

Lírio-da-paz
É uma das plantas mais eficientes na eliminação de gases voláteis comuns, como o formaldeído, o benzeno e o tricloroetileno (presente em removedores e produtos de limpeza pesada)

Espada-de-São-Jorge
Tem a habilidade de absorver toxinas como o óxido de nitrogênio e o formaldeído (usado em vernizes e no cigarro)

Clorofito
Combate poluentes como o monóxido de carbono, o benzeno e o xileno (solvente comum em pesticidas)

Samambaia
Atua como um umidificador natural do ar e remove poluentes como benzeno, formaldeído e xileno. Alguns estudos dizem que a espécie também é capaz de remover mercúrio e arsênico do solo

Palmeira-ráfia
Ótima filtradora de amônia, substância presente em materiais de limpeza, tecidos e tintas para cabelo

Gérbera
Boa para remover tricloroetileno e filtrar benzeno, ela também é conhecida por melhorar o sono ao absorver o dióxido de carbono e emitir mais oxigênio durante a noite

Antúrio
Absorve formaldeído, xileno, amônia e tolueno (presente em colas e usado na fabricação de polímeros e borracha)



Óleos essenciais e suas propriedades

Lavanda
É o mais conhecido e também o mais versátil. Ajuda a combater a insônia e a depressão, facilita o relaxamento, alivia dores musculares e tem poder antisséptico

Eucalipto
Além de fortalecer o sistema imunológico, ele ajuda a purificar o ar contra fungos e bactérias e atua como repelente de insetos

Laranja-doce
Boa opção para refeições entre amigos e familiares, pois estimula o apetite e a interação entre as pessoas

Alecrim
Estimula a circulação e é um importante antídoto contra o estresse. Assim como o gengibre, também ajuda na concentração e na preservação da memória

Olíbano
Incenso clássico da Igreja católica, ele é indicado para momentos de introspecção, pois sua fragrância é ligada à espiritualidade

Hortelã
Expectorante e estimulante do sistema nervoso, ela auxilia no alívio da estafa, de náuseas, dores de cabeça e enxaquecas



Para maiores informações Clique aqui

Os conteúdos das matérias não refletem necessariamente a opinião do Qualindoor.




Voltar
ABRAVA - Associação Brasileira de Refrigeração, Ar Condicionado, Ventilação e Aquecimento
Qualindoor - Departamento Nacional da Qualidade do Ar Interno

    Av. Rio Branco, 1492, São Paulo, SP, CEP 01206-001, Fone (11) 3361 7266